quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

O Chorão e a Cimeira de Copenhaga



Foi com enorme tristeza que descobri funcionários da Câmara de Vila Real no bairro da Araucária, a carregar um gigantesco Chorão, acabado de arrancar... A árvore possuía um corpo e uma dignidade difíceis de explicar, mas para estes funcionários, era apenas mais um dia de trabalho.
As razões: possivelmente as raízes perturbaram a canalização do bairro, ou pior, o pavimento. O que, para o homem actual, é mais do que suficiente.

O que me levou a pensar na Cimeira de Copenhaga.
Que hipóteses temos nós de reverter as alterações climáticas com as decisões desta Cimeira?
As mesmas que o Chorão, possivelmente.

Sem comentários:

Enviar um comentário